quinta-feira, 1 de dezembro de 2011


É incrível como você consegue me deixar sem graça com tão poucas palavras.

Nenhum comentário:

Postar um comentário